Postado em 14 de Janeiro de 2019 às 14h49

Esmeraldino pede união e desafia os deputados do PSL

Ele anunciou a decisão de abrir mão do fundo partidário para que estes recursos sejam aplicados em saúde, segurança, educação e infraestrutura.

Florianópolis - O presidente estadual do PSL, Lucas Esmeraldino, fez, neste domingo (14), a primeira manifestação sobre o requerimento de três dos quatro deputados federais do partido, feito ao Diretório Nacional, pedindo a destituição da Executiva Estadual. Disse que “o momento é de transição, união e jamais de divisão”.


Ele anunciou a decisão de abrir mão do fundo partidário para que estes recursos sejam aplicados em saúde, segurança, educação e infraestrutura.


No inicio da noite, foi confirmada a informação de que Lucas Esmeraldino tinha convocado para esta segunda-feira, às 20h, a posse da nova Executiva Estadual do PSL, contestada pela maioria da bancada federal.


Os três deputados federais, de outro lado, fizeram contatos com o presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, e o vice-presidente Antônio de Rueda, que ficaram de visitar Santa Catarina esta semana para buscar uma solução negociada e constituição de uma nova Executiva.


Com a decisão de Esmeraldino de empossar os novos dirigentes a crise poderá se aprofundar no PSL catarinense.
A nota divulgada pela assessorial de Lucas Esmeraldino tem o seguinte teor:


"Este é um momento de transição, união e jamais de divisão. Seguiremos com serenidade e responsabilidade, construindo um PSL/SC forte. Nossa primeira proposição neste novo ciclo é que o PSL catarinense NÃO utilize o fundo partidário, como todos nós sempre defendemos, possibilitando que esses valores (públicos) sejam aplicados na saúde, segurança, educação e na infraestrutura, para a população."


Os três deputados federais do PSL, por sua vez, divulgaram nota intitulada “PSL SC terá nova Executiva em Janeiro”, em que tratam da formação de uma nova direção estadual e condenam as decisões do presidente Lucas Esmeraldino.


Veja a nota:


"Após a vitoriosa trajetória dos candidatos do PSL nas eleições de 2018 – fruto do trabalho das bases e das lideranças de direita-, o presidente estadual do partido, Lucas Esmeraldino, firmou compromisso para debater em 2019 a formação da nova Executiva Estadual do PSL. Ocorre que em dezembro de 2018, quebrando a palavra de forma personalista e sigilosa, Lucas ESCOLHEU TODOS os membros da executiva estadual ligados de alguma forma a seus interesses particulares. De maneira nada republicana, Lucas enviou a Brasília o documento com a suposta executiva visando um único interesse: ter o controle absoluto do partido em Santa Catarina." Depois de ouvir as bases, unicamente em defesa da ética e daqueles que não têm voz, decidimos agir. É por não admitir que projetos particulares de poder se perpetuem que decidimos nos opor frontalmente a este ensaio de ditadura e controle absoluto dentro do partido. Como deputados federais, protocolamos um documento na sede do PSL Nacional. Para o bem do PSL/SC, do espírito republicano e da moralidade que deve sempre nortear a condução do partido, o pedido foi aceito. Uma nova executiva provisória será composta. Em conversa pessoal em Brasília com o vice-presidente Rueda - e por via telefônica com o presidente do PSL nacional, Luciano Bivar - ficou acordado que nos próximos dias ele virá a SC para dialogar e montar uma nova executiva provisória, com a participação de todos, inclusive do atual presidente, haverá finalmente o debate, de forma democrática e transparente. Com essa notícia, comunicamos que o objetivo de atender as bases e tornar o PSL democrático novamente foi cumprido. Por último e não menos importante: a AÇÃO proposta por nós sempre teve caráter PROVISÓRIO e não definitivo. A partir de agora, com o compromisso do PSL Nacional, trabalharemos pelo consenso. – Caroline De Toni, Coronel Armando e Daniel Freitas.

 

(fonte: Moacir Pereira/NSC)

Veja também

Secretário de Saúde de Xaxim esclarece dúvidas sobre serviços de saúde08/05/19 A convite dos vereadores xaxinenses usaram o espaço da tribuna do Poder Legislativo, na reunião de terça-feira, 07 o secretário Municipal de Saúde, Davi Provensi Machado e a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Elizete de Souza que foram questionados pelos vereadores sobre diversas situações na área da saúde. Os vereadores......
Prefeitura distribui hipoclorito de sódio para desinfecção de caixas d’água21/07 O Governo Municipal de Cordilheira Alta, por meio da Secretaria de Saúde e Assistência Social, estará distribuindo para a população em geral, frascos de hipoclorito de sódio para limpeza e desinfecção de caixa d?água. O hipoclorito de sódio é o produto mais......

Voltar para Cidades