Postado em 21 de Fevereiro às 14h02

Prefeito de Marema retorna otimista de Brasília

Barella também encontrou com o Governador Carlos Moisés da Silva, que esteve no Supremo Tribunal Federal (STF) para discutir questões relativas aos repasses aos Estados em razão da desoneração das exportações (Lei Kandir).

Marema - O prefeito de Adilson Barella, esteve em Brasília nessa semana. Foi a primeira viagem para a capital federal após o período de campanha. Dentre os compromissos estiveram reuniões em Ministérios, com Senadores e Deputados Federais. Na quarta-feira (20), Barella também encontrou com o Governador Carlos Moisés da Silva, que esteve no Supremo Tribunal Federal (STF) para discutir questões relativas aos repasses aos Estados em razão da desoneração das exportações (Lei Kandir).

A viagem para Brasília teve o intuito de acompanhar projetos e o repasses de recursos e emendas parlamentares que ficaram pendentes em 2017 e 2018.

“Visitamos Ministérios, Deputados e Senadores que ficaram responsáveis pelas liberações. Queremos dar agilidade para planejar ações. Sentimos que o clima em Brasília, ainda é de adaptação, já que o Governo Federal segue em fase de transição. No entanto, é nossa obrigação fazer esses contatos com Deputados e Senadores, para que os pleitos de Marema não sejam esquecidos, principalmente nas áreas da agricultura, saúde e educação,” afirma.

Na última segunda-feira (18), o Prefeito Adilson Barella, cumpriu agenda no Senado e no Congresso Federal. Dentre os gabinetes visitados, esteve o do Senador Jorginho Mello e Dário Berger, onde foram solicitados apoio para emendas em diversas áreas.

Também solicitou apoio aos Deputados Celso Maldaner, Caroline De Toni, Carlos Chiodini e Valdir Colatto, para aquisição equipamentos agrícolas e demais demandas. Na terça-feira (19), Barella esteve em vários Ministérios. No Ministério do Desenvolvimento Regional, cobrou a liberação de uma emenda pendente para a pavimentação de ruas.

Veja também

Deputado Pedro Uczai afirma que Reforma da Previdência é inconstitucional25/04 O deputado federal Pedro Uczai (PT/SC) destacou que o governo de Jair Bolsonaro (PSL) e seus aliados no Parlamento precisam acabar com o “cinismo” quando se referem a Proposta de Emenda à Constituição (PEC 06/19) que trata da Reforma da Previdência. Para o parlamentar, o governo “mente” quando fala que a proposta ataca privilégios quando na verdade as......

Voltar para Política