Postado em 26 de Novembro de 2018 às 08h43

Governador eleito Carlos Moisés anuncia o primeiro nome da sua equipe

Paulo Koerich assumirá o cargo de delegado geral da Polícia Civil a partir de janeiro de 2019

  • PORTAL DX - O melhor da informação da Região Oeste de Santa Catarina -

O governador eleito Carlos Moisés anunciou nesta sexta-feira (23) o primeiro nome da sua equipe de governo. Paulo Koerich, natural de Blumenau e delegado titular na comarca de Gaspar, assumirá o cargo de delegado-geral da Polícia Civil a partir de janeiro de 2019.

Com 53 anos, Koerich tem em seu currículo o comando da Delegacia Regional de Polícia em Blumenau e a atuação na força-tarefa do Grupo de Atuação Especial de Combate a Organizações Criminosas (GAECO) do município. Também foi titular das Diretorias de Polícia do Litoral e do Interior e das comarcas de de Joinville e Itajaí.

“Ele já trabalhou com investigação, é um profissional de campo mas também já esteve em delegacias. Então a gente entende que ele reúne não apenas as características morais para estar à frente de uma pasta tão importante quanto a Polícia Civil, mas também as qualidades técnicas e operacionais para tocar essa pasta tão importante”, analisou o governador eleito.

Próximos nomes da equipe
Carlos Moisés destacou que ainda está estudando outros nomes para os cargos chave da segurança pública, incluindo a Polícia Militar (PM), o Corpo de Bombeiros Militar e o Instituto Geral de Perícias — além do próprio secretário da pasta. Apesar disso, reafirmou que não há pressa em definir os nomes, já que antes é necessário "conhecer e conversar com as pessoas" que atuam na área.

Fonte: Diário Catarinense


Veja também

Governo publica decreto sobre armas; civis não podem adquirir fuzis22/05/19 O governo federal publicou hoje (22) novo decreto que altera regras do Decreto nº 9.785, de 7 de maio de 2019, que trata da aquisição, cadastro, registro, posse, porte e comercialização de armas de fogo no país. Em nota, o Palácio do Planalto informou que as mudanças foram determinadas pelo presidente Jair Bolsonaro “a partir dos questionamentos feitos......

Voltar para Política