Postado em 07 de Março de 2019 às 10h11

Geovania de Sá representa SC na Mesa Diretora da Câmara Federal

Ela trabalha para ver uma maior representatividade feminina na política

Brasília - Reeleita com 101.937 votos, praticamente o dobro de 2014, e vindos dos 295 municípios do estado, a deputada Geovania de Sá (PSDB) soma muitas vitórias para comemorar. Ela também foi eleita para compor a Mesa Diretora da Câmara Federal, o que garantiu a presença de Santa Catarina à frente dos trabalhos legislativos e administrativos da casa. Apenas 11 dos 513 deputados foram escolhidos para a função.

E, desde que a Câmara voltou às suas atividades neste ano, a deputada vem, inclusive, presidindo muitas sessões no plenário. Papel que desempenha com maestria, elegância e muito pulso firme. Quem a vê jamais diria que iniciou na carreira pública há pouco mais de sete anos.

“Entrar na política não estava em meus planos. O meu objetivo era permanecer na iniciativa privada. Trabalhei no mesmo grupo empresarial por 20 anos, até receber o convite para ser secretária de Assistência Social de Criciúma”, relata a parlamentar, lembrando que, pouco tempo depois, a convidaram para se filiar ao partido. “Aceitei e, então, surgiu a proposta mais desafiadora, ser candidata a vereadora.”

Quando finalmente a convenceram, para a surpresa dela, da família e dos amigos, fez uma votação histórica. Foi a vereadora mais votada da história da cidade, assumiu a secretaria municipal da Saúde e está em seu segundo mandato como deputada federal.

Hoje, ela ainda encontra tempo para despertar em outras mulheres o interesse de fazer parte da vida pública do país. A parlamentar explica o empenho, apontando um dado interessante. As mulheres são 53% do eleitorado, com uma tímida representatividade no poder executivo, nas Câmaras Legislativas Municipais e Estaduais, na Câmara Federal e no Senado. “Como o maior percentual de votantes é um número tão inexpressivo em cargos públicos?”, indaga.

E é ela mesma quem responde a pergunta. Geovania lembra que a mulher costuma enfrentar duplas, triplas jornadas. “Temos atividades profissionais, domésticas, às vezes, a acadêmica. Somos mães, namoradas e esposas. Ou seja, estamos muito ocupadas, mas, o que parece difícil não é impossível”, brinca a deputada, resgatando algumas vitórias femininas. “Já chegamos ao mercado de trabalho. Estamos à frente de entidades e associações. Comandamos grandes empresas, importantes instituições, e, inclusive, já exercemos cargos no poder público.” Exatamente onde Geovania diz que a mulher precisa ocupar um espaço muito maior.

“Nós queremos a mudança, precisamos da esperança por dias melhores e sabemos que a mulher tem a força e a percepção necessárias para desenvolver, fiscalizar e aplicar leis a favor do Brasil”, justifica a deputada, convocando mais mulheres a se engajarem nesta mudança que tanto queremos ver consolidada. ”Vamos juntas e coloquemos em xeque a afirmação de que a política é um espaço predominantemente masculino”, encoraja a parlamentar.

Atuação
Em seu primeiro mandato como deputada federal, Geovania representou a vontade de cada cidadão catarinense em importantes votações. Posicionou-se sempre contrária à corrupção e a favor da manutenção dos direitos do trabalhador. Defendeu os direitos das mulheres e destinou mais de R$ 73 milhões em emendas parlamentares para as seis regiões do estado, fortalecendo a saúde, a assistência social, a educação, a agricultura, a infraestrutura de Santa Catarina.

Veja também

Maier quer que Prefeitura promova feiras municipais na Praça Frei Bruno12/09/19 O vereador progressista Agenor Junior Maier sugeriu ao Executivo por meio de indicação que a prefeitura realize feiras municipais com exposição de produtos e mercadorias. A intenção do vereador é que estes......

Voltar para Política