Postado em 05 de Agosto às 13h49

Homem que atirou em ex-sogra por engano é condenado a 16 anos no Extremo Oeste

PORTAL DX - O melhor da informação da Região Oeste de Santa Catarina O último júri popular realizado na comarca de Itapiranga, no Extremo Oeste, culminou em pena de 16 anos de prisão, em regime fechado, a um homem de 37 anos...

O último júri popular realizado na comarca de Itapiranga, no Extremo Oeste, culminou em pena de 16 anos de prisão, em regime fechado, a um homem de 37 anos que atirou na ex-sogra com uma espingarda. A intenção era acertar o namorado de sua ex-esposa. O crime aconteceu no dia 13 de maio de 2018, por volta de 17h40, na linha Aparecida, interior do município de Itapiranga.

A condenação foi pelo crime de homicídio qualificado por motivo fútil e por uso de recurso que dificultou a defesa da vítima. A condenação também engloba o crime de porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. A sessão foi presidida pelo juiz da Vara Única da comarca, Rodrigo Pereira Antunes.

De acordo com a denúncia apresentada, o acusado foi à casa da ex-sogra para buscar o filho dele com a ex-mulher. Ao chegar ao local, deparou com o companheiro dela. O réu voltou ao carro para buscar a espingarda com intenção de atirar contra o homem, mas a bala acertou a ex-sogra. Ele foi contido por populares e estava preso preventivamente desde o crime (Autos n. 0000456-72.2018.8.24.0034).

Veja também

Polícia Militar de Chapecó retira de circulação condenado pela Justiça06/05 No último sábado, a Polícia Militar de Chapecó cumpriu mais um mandado de prisão, retirando de circulação mais um condenado e levando-o ao cumprimento de sua pena. A guarnição, após ter recebido informações sobre um homem que estaria com mandado de prisão em aberto e também com informações de seu......

Voltar para Polícia