Postado em 04 de Março às 13h53

SC Transplantes registra maior número de doações de múltiplos órgãos em fevereiro

Com quatro procedimentos realizados apenas nos dois últimos dias do mês, a SC Transplantes contabilizou um total de 23 doações no período.

Florianópolis - Santa Catarina registrou, em fevereiro de 2019, o melhor desempenho da história em doações múltiplas de órgãos para o mês. Com quatro procedimentos realizados apenas nos dois últimos dias do mês, a SC Transplantes contabilizou um total de 23 doações no período. Historicamente, o mês de fevereiro tem baixos índices de doações. Os números mais expressivos foram registrados em 2016 e 2017, com 20 ocorrências cada.

O resultado coincide com a destinação do helicóptero de uso exclusivo do governador para o transporte de órgãos e tecidos. A ação foi fruto de um convênio assinado pelo governador Carlos Moisés no dia 6 de fevereiro. Desde então, a aeronave foi utilizada em três oportunidades, incluindo a de quinta-feira passada, quando foram transportados rins para Florianópolis.

A doação de órgãos em Santa Catarina tem registrando resultados expressivos. O número de doadores cresceu desde 2005, com um incremento de 50% na taxa de doadores efetivos nos últimos seis anos.

Na avaliação do secretário de Estado da Saúde, Helton de Souza Zeferino, a postura do Governo do Estado em abrir mão de uma aeronave que tradicionalmente atendia apenas ao chefe do Executivo consiste em um ato de humanização. “O governador demonstra ter zelo e cuidado com o cidadão catarinense. Essa atitude fomenta o sistema de captação, transporte e doação de órgãos e serve de modelo para as demais unidades da federação”, afirmou o secretário Helton.

O coordenador estadual da SC Transplantes, Joel de Andrade comemorou o melhor desempenho já registrado em mês de fevereiro e ressaltou que o número de doações pode ser ainda maior. Ele voltou a destacar que a agilidade no transporte é fundamental para salvar vidas e elogiou o fato do Poder Público estar tratando o transplante e a doação de órgãos como uma prioridade.

“A atitude do Governo do Estado honra a postura do povo catarinense, que é solidário e a favor da doação. Quando governo e sociedade caminham juntos, os resultados logo aparecem”, comentou Andrade.

A sugestão de utilização do helicóptero para esse tipo de transporte partiu da Casa Militar. O órgão é responsável por acionar a aeronave sempre que há soliciação por parte da Secretaria de Estado de Saúde (SES), por meio da SC Transplantes.

 

Veja também

ONU: uso excessivo de remédios pode matar 10 milhões ao ano até 205029/04 Foto: MARCELO CASAL/AGÊNCIA BRASIL Relatório de entidades ligadas à Organização das Nações Unidas (ONU), divulgado hoje (29), alerta que o uso excessivo de medicamentos e os consequentes casos de resistência antimicrobiana podem causar a morte de até 10 milhões de pessoas todos os anos até 2050. O prejuízo à economia......
Um roteiro aconchegante e cheio de delícias te aguarda em Arvoredo09/08 Investimento para valorizar o potencial e a tradição do interior. O turismo rural é isso: uma oportunidade de mostrar o que o campo tem a oferecer em forma de lazer, gastronomia e empreendedorismo. E foi com esse incentivo –......
Uso de Canudos biodegradáveis em Santa Catarina pode virar lei17/04   Por maioria de votos, os deputados estaduais de Santa Catarina aprovaram, na tarde desta terça-feira (16), o projeto de lei (PL) 152/2018, que trata do uso de canudos produzidos com materiais biodegradáveis ou similares no estado, de......

Voltar para Geral