Postado em 14 de Julho de 2019 às 20h57

Mulher empurra Padre Marcelo Rossi do Altar durante missa

PORTAL DX - O melhor da informação da Região Oeste de Santa Catarina Uma mulher empurrou o Padre Marcelo Rossi do altar de um evento religioso que ocorria neste domingo, 14, em Cachoeira Paulista (SP). Vídeo que circula pelas redes...

Uma mulher empurrou o Padre Marcelo Rossi do altar de um evento religioso que ocorria neste domingo, 14, em Cachoeira Paulista (SP). Vídeo que circula pelas redes sociais mostra o momento em que ele cai do palco. O padre participava do Acampamento PHN, evento da comunidade católica Canção Nova.
O empurrão foi durante a celebração da missa, que era transmitida ao vivo. O vídeo mostra o religioso pregando, quando de repente uma mulher aparece e o joga para fora. Em seguida, a autora do “ataque” aparece sorrindo.
Fiéis que participavam da cerimônia relataram nas redes sociais que o padre recebeu atendimento médico, passa bem e mesmo com o susto, conseguiu terminar a missa.
De acordo com a Polícia Militar, a mulher foi encaminhada para a delegacia de Lorena para o registro do caso. A PM informou que a ocorrência está sendo feita pela Canção Nova porque o Padre Marcelo Rossi decidiu não registrar a agressão.
A polícia informou que a mulher tem 32 anos e que fazia parte de um grupo que veio do Rio de Janeiro para o evento. Os acompanhantes informaram à PM que ela sofre de transtornos mentais.
Em nota a Canção Nova informou que lamenta o incidente ocorrido com o padre Marcelo Rossi durante a missa e informou que ele foi atendido pela equipe médica do evento e, após ser liberado, seguiu com a celebração até o fim.

Veja também

Ingressos para a 8ª edição do Frango Chef já estão à venda23/07/19 Na noite de ontem, 22, a Aciax, Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Xaxim, realizou pré-lançamento do Frango Chef - a Festa Estadual do Frango que acontece nos dias 06 e 07 de setembro de 2019. De acordo com o......
Moro pede que empresários deem oportunidade de trabalho a presos06/05/19 Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, defendeu, hoje (6), que as empresas brasileiras contratem pessoas que cumprem pena ou que deixaram o sistema prisional. Para o......

Voltar para Geral