Postado em 28 de Novembro de 2018 às 17h44

Moradores reclamam de falta de proteção em trecho do Rio Xanxerê

Administração realizou licitação para a construção de muro e guarda corpo, mas ninguém participou.

Por: Joimara S.Camilotti

Xanxerê – Quem passa pela Rua Barão do Rio Branco, no Centro de Xanxerê, no sentido da chamada “Rua do Além”, já reparou que em um dos sentidos não existe passeio público, no entanto, após a limpeza das margens do Rio Xanxerê, a situação ficou ainda mais evidente, resultando em várias reclamações de moradores.


Como não há nenhuma proteção entre a via e o rio, o risco de uma pessoa ou até mesmo de um animal cair é grande.


De acordo com o secretário de Obras do município, Rivael Freschi, a Prefeitura abriu licitação visando à contratação de uma empresa para a construção de um muro de arrimo em concreto armado e guarda corpo naquele local, no valor de R$ 95.431,00, no entanto não houve nenhuma empresa interessada.


“Tivemos uma licitação deserta, ninguém se apresentou e agora vamos ter que deixar para abrir uma nova só no próximo ano”, disse o secretário.


Quanto a falta de uma sinalização que indique que o lugar é perigoso, a administração se ateve a comentar que o local sempre esteve desta forma e somente agora, após a limpeza ficou mais evidenciado e pede que as pessoas tenham cuidado e evitem passar pelo local até que a proteção possa ser construída. 

Veja também

A cada 3 horas e 40 minutos uma pessoa morre por acidente de trabalho29/04/19 Foto: Elza Fiuza - Agência Brasil O Brasil registra uma morte por acidente de trabalho a cada 3horas e 40 minutos. Segundo o Observatório Digital de Segurança e Saúde do Trabalho, entre 2012 de 2018 foram contabilizados 17.200 falecimentos em razão de algum incidente ou doença relacionados à atividade laboral. Neste domingo, é comemorado o Dia Mundial e......

Voltar para Geral