Postado em 08 de Janeiro às 15h30

Paulo Guedes “ameaça” acabar com patrocínio da Caixa no futebol

O ministro da Fazenda de Jair Bolsonaro, Paulo Guedes, afirmou que todas as operações da Caixa Econômica Federal seguirão "critérios técnicos" e que o patrocínio de times de futebol está na linha de tiro do governo. 

Brasília - O ministro da Fazenda de Jair Bolsonaro, Paulo Guedes, afirmou que todas as operações da Caixa Econômica Federal seguirão "critérios técnicos" e que o patrocínio de times de futebol está na linha de tiro do governo.

Ele diz: "às vezes, é possível fazer coisas cem vezes melhores com menos recursos do que gastar com publicidade em times de futebol".


"Ele [Guedes] não deu mais detalhes se o governo Bolsonaro pretende encerrar os patrocínios que teve em vários times do Brasil, como Flamengo, na temporada passada. A afirmação foi feita na posse do presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães."


O ministro ainda declarou: "Quem descobria algo errado tinha que abafar para não ter problemas. No nosso sistema, quem sinalizar onde tem fumaça antes de virar fogo tem que ser premiado. Vamos inverter essa lógica. Vamos ter ajuda do TCU [Tribunal de Contas da União] e dos demais órgãos de controle nesse processo."

(fonte: Brasil257)

Veja também

Felipe Tozzo vence Mercedes Benz Challenge e lidera campeonato04/06 Após um final de semana de muita chuva e sol em Londrina, mudanças de estratégia e um misto de muitos acertos, Felipe Tozzo vence a terceira etapa do Mercedes Benz Challenge disputado no Autódromo Internacional Ayrton Senna. Problemas no freio acabaram prejudicando a classificação no sábado, mas mesmo assim deu para salvar a terceira posição de......
Xaxim recebe cerca de oitocentos atletas para a disputa da Olesc23/08 O município de Xaxim está sendo Sede da fase Regional Oeste da Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), envolvendo jovens com idades entre 14 e 16 anos. Ao todo são trinta e dois municípios participantes: Águas de......

Voltar para Esporte