Postado em 05 de Abril às 10h21

Chape tem a pior defesa entre os times do G-4 do Catarinense

Verdão sofreu 18 gols nas 17 partidas que disputou pelo Estadual 2019

O início deste ano tem sido desafiador para a comissão técnica da Chapecoense, em especial quando o assunto é sistema defensivo. Até aqui, nas 17 partidas que disputou na competição, a defesa do Verdão foi vazada 18 vezes. Um número elevado, quando leva-se em consideração a qualidade técnica dos adversários e o nível da competição.

“Nós precisamos de uma sequência de treinamentos para fazermos esses ajustes. Hoje (contra o Figueirense) eu fiz uma mudança nos escanteios. A gente estava marcando em linha. E eu optei para fazer a marcação individual. Acho uma forma mais simples de se jogar para diminuir os gols sofridos”, disse Ney Franco, técnico do Verdão.

Se considerarmos os quatro primeiros colocados do Estadual, o time de Chapecó possui a pior defesa. O líder, Avaí, sofreu apenas seis gols em 17 jogos. Na sequência, o Figueirense aparece com 12 e o Criciúma com 15. O Marcílio Dias, que está na 5ª colocação, também apresenta um número menor de gols tomados em relação a Chape: foram 14 até aqui.

A Chapecoense volta a campo no próximo domingo, às 16h, diante do Avaí, pela 18ª rodada do Catarinense. Caso vença, a Chape assegura a 2ª posição da classificação geral e fará a semifinal com o Figueirense em casa.

(fonte: Clic RDC)

Veja também

Governo de Xaxim entrega premiação aos campeões municipais de bocha05/08 Neste domingo (4), a Secretaria de Esportes de Xaxim realizou a entrega da premiação aos bochófilos que participaram do campeonato municipal. Além da da entrega dos troféus, uma grande confraternização aconteceu na comunidade de Monte Belo, sede das decisões. A Associação Amigos da Bocha A sagrou-se campeã, seguida pela equipe da Aspux......

Voltar para Esporte