Postado em 01 de Fevereiro de 2019 às 10h09

Em visita à Fiesc, Moisés destaca importância da tecnologia

O painel concentra informações, que, segundo o governador são estratégicas na tomada de decisões para projetar o desenvolvimento do estado.

Florianópolis - Em visita à Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC),  o governador Moisés, acompanhado do secretário de Estado de Infraestrutura, Carlos Hassler, conheceu o observatório de inteligência competitiva da federação, apresentado pelo presidente da entidade, Mário Cezar de Aguiar e demais integrantes da diretoria. O painel concentra informações, que, segundo o governador são estratégicas na tomada de decisões para projetar o desenvolvimento do estado.

“É fundamental que as ações estejam alinhadas e o setor industrial será um grande parceiro. As informações estão ali para apontar o melhor caminho para Santa Catarina”, destacou o governador. Moisés reforçou a necessidade de, na gestão pública, as informações estarem conectadas e atualizadas, traçando um perfil real das ações do Governo entre todos os setores. “A tecnologia é ferramenta de transparência”, reiterou Moisés.

Na FIESC, o observatório da indústria reúne dados e informações do perfil econômico e social de Santa Catarina, e o posicionamento dos indicadores catarinenses comparados com outros estados e até mesmo com outros países. O painel considera fontes de informações de todo o mundo, acompanhando as tendências de mercado e identificando boas práticas.

“Dominamos o passado que dá identidade ao nosso perfil econômico e industrial e estamos projetando o futuro com um olhar inovador e atento ao que pode trazer os melhores resultados para Santa Catarina”, explicou Sidnei Manoel Rodrigues, gerente do observatório de inteligência competitiva que detalhou alguns dos dados do painel apresentado ao governador.

Convergindo com uma das prioridades do governo Moisés, o presidente da FIESC entregou ao secretário Hassler, a agenda da infraestrutura. O documento é uma espécie de mapa das condições da malha viária do estado, que aponta, entre outros direcionamentos, onde existe a necessidade emergencial de investimentos na recuperação de rodovias estaduais.

Durante o encontro, que teve a participação do presidente do CIASC, Sérgio André Maliceski, o governador também ouviu demandas do setor leiteiro e recebeu o pedido para renovação do convênio InvesteSC, que monitora oportunidades de atração de novos investimentos para Santa Catarina.
 

Veja também

Santa Catarina busca apoio federal para melhorias na Rota do Milho15/04/19 A Rota do Milho já é uma realidade em Santa Catarina, o trajeto diminui os custos logísticos para a importação do grão e abastecimento das agroindústrias no estado. O Governo catarinense busca agora apoio federal para melhorar os serviços prestados na aduana de Dionísio Cerqueira, porta de entrada do milho vindo do Paraguai. Esse foi um dos assuntos tratados nesta sexta-feira (12), pela vice-governadora Daniela......

Voltar para Economia