Postado em 21 de Dezembro de 2018 às 10h33

Deputada Luciane comemora aprovação da lei da Economia Solidária

Legislação de autoria da parlamentar assegura política estadual, visibilidade e recursos para os empreendimentos solidários catarinenses.

Foi aprovado o Projeto de Lei 124.1/2016, que trata da criação da Política Estadual de Economia Solidária em SC, de autoria da deputada estadual Luciane Carminatti.

“Hoje, os empreendimentos solidários como feiras, associações e cooperativas, não tem vez no orçamento estadual. Após amplos debates com o setor e com o governo, a nossa lei vem para mudar essa realidade”, comemora Luciane, que coordena a Frente Parlamentar em Defesa da Economia Solidária.

O PL aprovado pelo parlamento é resultado de construção coletiva com as entidades e organizações representativas do setor. O documento estabelece princípios, diretrizes, objetivos e composição da Política Estadual de Economia Solidária, criação de Sistema Estadual e qualificação dos empreendimentos econômicos solidários no estado.

"Agora, teremos amparo da legislação estadual para regulamentar o que é a Economia Solidária, quem integra, os deveres e compromissos do estado, medidas para fortalecer práticas de cooperativismo e conceder financiamento e incentivos fiscais, qualificação e acesso ao créditos para os empreendedores, entre outras ações", esclarece a deputada.

O projeto aprovado pelo parlamento segue para análise e sanção do governador.

Veja também

Balcão Municipal de Empregos de Chapecó está com 196 vagas30/07/19 Nesta semana o Balcão Municipal de Empregos está com 196 vagas disponíveis. Os interessados podem acessar a página oficial www.chapeco.sc.gov.br/balcaodeempregos e conferir as vagas e os requisitos exigidos para cada uma delas. Os interessados podem se cadastrar na sede do Balcão, que fica na Rua Carlos Pinho, n° 30 d, próximo ao Restaurante Bandejão, onde o......
Feira do Peixe Vivo acontece hoje em Xaxim21/03/19 Das 7h45 às 17h45, produtores locais estarão comercializando os peixes ao lado da sede da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente com o intuito de gerar renda extra às famílias, estimular a piscicultura e o consumo de......

Voltar para Economia