Postado em 28 de Janeiro de 2019 às 13h51

Tragédia em Brumadinho: 60 mortes confirmadas

19 corpos identificados e lista tem 292 pessoas sem contato


Brumadinho - O tenente Pedro Aihara, porta-voz do Corpo de Bombeiros, disse que as tropas israelenses devem iniciar ainda hoje os trabalhos de buscas por vítimas. Segundo ele, os militares participarão de uma reunião para combinar a operação e depois serão levados à região em que ficava o centro administrativo da Vale, perto da barragem. Os israelenses trouxeram sonares e equipamentos capazes de detectar vozes e ruídos embaixo da lama. Aihara disse que a ideia é começar a usá-los já nesta tarde.


O presidente em exercício Hamilton Mourão defendeu nesta segunda apuração para identificar e punir os responsáveis pela tragédia em Brumadinho. Segundo Mourão, é preciso “punir mesmo” os responsáveis pelo rompimento da barragem da mineradora Vale, na sexta.


RESUMO
• Barragem da mineradora Vale se rompeu na sexta-feira em Brumadinho (MG), e um mar de lama destruiu casas e vegetação da região.
• Até o momento, há confirmação de 60 mortos; 19 foram identificados; há 292 desaparecidos, 192 resgatados, 382 localizados e 135 desabrigados.
• Lama removeu refeitório da Vale e pousada do local em que ficavam; havia 35 pessoas na pousada; pontos da cidade seguem ilhados.
• Buscas estão no quarto dia, e número de mortes deve crescer; 136 militares de Israel darão apoio aos bombeiros.
• Vale suspendeu pagamento de dividendos e de bônus a executivos, e criou comitês para ajudar vítimas, reparar danos e descobrir responsáveis.

(fonte: G1)

Veja também

Atleta xaxinense é destaque em campeonatos de tiro esportivo18/04/19 Na foto Paulo Celuppi (à direita) recebe premiação de terceiro lugar Os clubes de caça e tiro na região Oeste começam a ganhar mais notoriedade com o aumento de praticantes do tiro esportivo e pelo destaque de......

Voltar para Cidades