Postado em 12 de Fevereiro às 15h59

Prefeitura de Xanxerê volta atrás e estende horário de atendimento nas creches

Mudança havia causado transtorno e indignação dos pais. 

Xanxerê – A administração municipal precisou voltar atrás em decisão anunciada pouco antes do retorno das aulas em creches do município, quando informou mudança no horário de funcionamento dos Cemeis. Pais se mostraram contrários a alteração, pois teriam que deixar o trabalho durante o expediente para pegar o filho na creche.Vereadores também se mostraram contrários, inclusive com moção de apelo para que a alteração fosse revista. 

Nesta terça-feira, a Prefeitura de Xanxerê, através da Secretaria Municipal de Educação, em reunião com prefeito Avelino Menegolla e participação do Ministério Público, esclareceu que foi definido que a partir de hoje o horário de atendimento volta a ser estendido, até às 18h15min, em todos os Centros Municipais de Educação Infantil (Cemeis).

A medida é paliativa, até que a Secretaria de Educação defina critérios para a concessão de vagas em período integral e de horário estendido. Os interessados devem procurar a direção do Cemei.

Conforme as legislações que regem a educação infantil, a permissão é que a carga horária mínima seja de sete horas e a máxima de 10 horas, sendo das 7h30min às 17h30min, diariamente. Porém, o município ofertará horário estendido até, no máximo, às 18h15min para os pais que realmente necessitam deste atendimento. Os interessados, devem procurar a direção do Cemei.

 

Veja também

Legislativo Xaxinense aprova Moção de Repúdio à Nova Previdência29/04 Foi aprovada na semana passada a Moção de Repúdio a PEC 06/2019 que na prática representa o desmonte do sistema de proteção social, criado com o advento da Constituição Federal de 1988. A moção de autoria do vereador Gildomar Michelon foi aprovado por todos. Gildomar que sempre se mostrou um defensor assíduo dos direitos da classe......
Santa Catarina mantém a menor taxa de desemprego do país26/02 O estado também apresentou a melhor situação do país quanto aos índices de desocupação, subutilização da força de trabalho e de pessoas desalentadas, isto é, aquelas que desistiram......

Voltar para Cidades