Postado em 22 de Fevereiro às 11h26

Deputada do PSL conhece necessidade do colégio Iracy Tonello de Xanxerê

Ana Caroline Campagnolo atendeu ao pedido de um aluno que buscou auxílio da parlamentar para a construção de um ginásio na escola.

Por Joimara S.Camilotti
Xanxerê – A deputada estadual, Ana Caroline Campagnolo (PSL) visitou a escola Iracy Tonello, localizada no Bairro Vista Alegre, na manhã desta sexta-feira, 22. Ela recebeu o convite do aluno Daniel, que entrou em contato com a deputada a fim de repassar anecessidade de um ginásio de esportes para a prática das aulas de educação física no educandário.

De acordo com a diretora Daiana Dal Belo, desde 2010 existe o pedido para a construção de um ginásio de esportes, com projeto pronto orçado em R$ 600 mil para a construção, porém desde então não foi possível conseguir o recurso, através do Estado. 

“Só falta a boa vontade dos nossos representantes para fazer a construção, já recebemos a visita de diversos políticos, mas não tivemos nenhum retorno. O aluno Daniel entrou em contato com a deputada Ana Caroline e convidou para conhecer o espaço. Esperamos que ela consiga fazer algo”, frisou a diretora.

Conforme a diretora, outra necessidade buscada é o retorno do ensino noturno na escola. Há dois anos o serviço deixou de ser oferecido, sendo ofertado apenas por um colégio estadual em Xanxerê, o Costa e Silva, no entanto, muitos alunos que não estão conseguindo estudar a noite devido a distância entre trabalho, casa e colégio.

“Temos uma demanda grande de alunos que querem estudar a noite aqui na escola, porque eles não conseguem trabalhar e estudar de dia, nossos alunos acabam desistindo porque eles não conseguem ter o tempo de chegar em casa e voltar para o colégio Costa e Silva, não chegam no horário e a comunidade pede pelo ensino noturno”, disse.

A deputada Ana Campagnolo disse estar surpresa com o empenho do aluno em entrar em contato com ela solicitando a visita à escola. “Achamos inusitado a atitude dele, que nos falou da necessidade de um ginásio, da urgência disso, de como isso tem atrapalhado o andamento pedagógico, e como sou do Oeste, morei muitos anos em Chapecó, ajudei a compor a Gered aqui do Oeste, achamos legal atender o pedido do Daniel e ouvir as demandas da diretora”, destacou. 

A parlamentar frisou que a primeira coisa que poderá fazer será uma indicação formal na Assembleia Legislativa repassando a necessidade da escola.

“Não é tão simples, muitos deputados visitam vários locais e precisam elencar as demandas de cada município. Hoje são R$ 5 milhões em emendas para infraestrutura, mas o atendimento do pedido não é tão rápido como gostaríamos, devido as demandas e hierarquia das necessidades. Viemos para conhecer a escola e se a necessidade for urgente talvez possamos agilizar”, finalizou. 

Veja também

Esmeraldino pede união e desafia os deputados do PSL14/01 Ele anunciou a decisão de abrir mão do fundo partidário para que estes recursos sejam aplicados em saúde, segurança, educação e infraestrutura....

Voltar para Cidades